Ajuda e atitudes.

 

os tempos não estão facéis, é certo. de tal maneira que também eu tive já de recorrer a ajuda para orientar as coisas aqui para estes lados. felizmente a Mã, coração de ouro que esta minha avó tem, disponibilizou-se a ajudar, ajuda preciosa e pela qual estou eternamente agradecida.

só tenho pena de, por vezes, não conseguir agradecer como gostaria! os 'obrigadas' e os 'desculpa pelo incomodo' são expressões muito usadas por mim nesta situação, mas tenho a sensação que por vezes não as consigo transmitir como deve ser. sempre fui pessoa que não gosta de pedir ajuda pelo simples facto de, em certas ajudas, saber que posso estar a tirar à outra pessoa algo que mais tarde pode fazer falta. e fico tão sem jeito! não diria que é vergonha. falta-me a palavra para descrever o que sinto, mas é algo que me faz não conseguir olhar a pessoa nos olhos quando estou a ser ajudada... não quero que a pessoa pense que não estou agradecida ou que interprete tais atitudes como desprezo ou desinteresse, pois é precisamente o contrário! estou tão agradecida que, não tendo maneira suficiente para agradecer à pessoa, fico mesmo sem jeito!

 

já agora deixo um grande e gigante e sentido obrigada à Mã, que tanto faz por mim! espero nunca te desiludir e acredita que vou sempre fazer por isso. mal possa retribuo o gesto :) 

By Sara às 01:38 | comentar | favorito
tags: